domingo, 20 de novembro de 2011

ONU


No dia 24 de outubro de 2011, Ban Ki-moon,  Secretário-Geral das Nações Unidas, proferiu uma mensagem de grande valor. Abaixo incluo vídeo e sua mensagem.

Se, assim como eu, você também acredita no potencial humano, inicie agora mesmo suas ações. Dê seu melhor, se prepare mais e contribua com aquilo que lhe for apresentado, pode ser um simples gesto, um sorriso, um apoio, ou se estiver a seu alcance e possibilidades, crie ferramentas e aja incisivamente em prol de uma sociedade mais justa e unida.

Se torne um Ser Melhor, dê o seu melhor e contrua um mundo mais VIVO!!!!




"Daqui a alguns dias, a família humana vai receber seu sétimo bilionésimo membro. Alguns dizem que nosso planeta está superlotado. Eu digo que nós somos sete bilhões fortes.

O mundo fez progressos notáveis desde que as Nações Unidas nasceram 66 anos atrás. Nós estamos vivendo mais. Mais crianças nossas sobrevivem. Mais e mais de nós vivemos em paz, sob um Estado de Direito democrático.

Como vimos neste ano dramático, pessoas em todo o mundo estão se levantando por seus direitos humanos e por liberdade.

E ainda assim... todo este progresso está sob ameaça. Da crise econômica. Do aumento do desemprego e da desigualdade. Das mudanças climáticas.

Em todo o mundo, muitas pessoas vivem com medo. Muitas pessoas acreditam que seus governos e a economia global não podem mais agir por eles. Nestes tempos de turbulência, há apenas uma resposta: unidade de propósitos.

Problemas globais demandam soluções globais. Eles levam todas as nações a se unirem na ação em uma agenda para a população mundial.Essa é a verdadeira missão das Nações Unidas: Construir um mundo melhor. Não deixar ninguém para trás.

Representar os mais pobres e mais vulneráveis em nome da paz global e da justiça social.

Neste dia especial, vamos reconhecer: Nunca antes as Nações Unidas foram tão necessárias.

Em nosso mundo cada vez mais interconectado, nós todos temos algo para dar e algo a ganhar ao trabalharmos juntos. 

Vamos nos unir, sete bilhões fortes, em nome de um bem comum global"

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário.
Muito Obrigada!!!